Dilatação e curetagem Efeito …

Dilatação e curetagem Efeito …

Dilatação e curetagem Efeito ...

Fundo

receptividade endometrial E Necessário Para o Sucesso da Implantação e de Gravidez. Apesar da controversia restante, Vários Estudos Tem demonstrado Que a espessura endometrial ecográfica PODE Ser considerado Como hum indicador da receptividade endometrial.

Objetivo

O Objetivo do Estudo foi Investigar o Efeito da dilatação e curetagem da espessura endometrial.

MATERIAIS E MÉTODOS

Resultados

espessura do endométrio em Pacientes com 0, 1, 2, 3 e 4 were DC 10,00 0,58, 9,83 0,47, 8,90 a 0,92, 7,42 a 0,18 e 7,40 0, 07, respectively, Um Dia Antes da ovulação (Spearman coeficiente de Correlação = -0,33) 10,62 e 0,68, 9,64 0,49, 8,48, 0,96, 6,32 a 0,15 e 6,90 a 0,04, respectively, 5-7 dias apos a ovulação (Spearman coeficiente de Correlação = -0,66) estradiol e progesterona níveis, medidos no dia da Segunda ultra-sonografia Teve Relação nÃO Estatística com espessura endometrial (P = 0,27 e 0,31). A Relação da espessura endometrial e Idade NÃO foi significativa (P = 0,54 e 0,06).

CONCLUSÕES

Dilatação e curetagem TEM UM Efeito significativo Sobre o desbaste do endométrio.

Palavras-chave: Dillatation e curetagem, endométrio espessura, ultra-sonografia transvaginal

1. Fundo

2. Objectivos

Portanto, ESTA Pesquisa Teve Como Objetivo Investigar o Efeito da DC da espessura endometrial.

3. Materiais e Métodos

4. Resultados

Um total de de 444 patients participaram do Estudo. espessura endometrial were medidos Como 9,80 e 0,80 10,13 1,17 milimetros, um dia Antes da ovulação e 5-7 dias DEPOIS. 5% (n = 20) e 4% (n = 19) dos patients tiveram hum endométrio fina (7 mm) EM DUAS medições, respectively. APENAS, 0,9% (n = 4) tinham patients Uma História de Infertilidade (Tabela 1).

Investigação Estatística Descritiva da Amostra

espessuras endometriais em patients com História de DC were 10,00 0,58 e 10,62 0,68 milimetros EM DUAS Medidas, respectively. Pacientes com História de DC Teve endométrio Mais fino NAS medições da cabine. Como Diferenças entre como espessuras endometriais de Dois grupos (com e sem História DC), were estatisticamente significativas NAS medições da cabine. Aqueles, sem historia DC tinha endométrio MAIS espessa, Um Dia e 5-7 dias apos a ovulação (Tabela 2).

A Media de ETS em Cada Incidência groupof DC

NÓS correlacionada a espessura do endométrio medios com o Número de anterior DC realizada. Spearmens coeficiente de Correlação were -0,33 -0,66 E DUAS POR medições, respectively. Este Achado Mostra Uma Correlação negativa Entre o Número de DC e espessuras endometriais (Tabela 3).

Correlação de ETswith Número de Anteriores Realizados D C

espessura endometrial de 5-7 dias apos a ovulação em patients com níveis de estradiol de 44, 44-196, 196 pg / ml were 10,40 0,06, 10,07 1,25 e 10,34 0,59, respectively . espessura endometrial da 2ª Medição em patients com níveis de progesterona de 2, 2-25, 25 mg / ml were 10,55 0,23, 10,09 1,21 e 10,02 0,42, respectively. espessura endometrial de 5-7 dias apos a ovulação NÃO Teve Uma Diferença Estatística between patients com Diferentes estradiol e de progesterona (valor de P = 0,27 e 0,31) (Tabela 4).

Diferenças ETs BasedOn estradiol e progesterona Nível

espessuras endometriais em medições cabine mostraram hum aumento QUANDO OS PACIENTES Idade were aumentados de 20 parágrafo 20-30 anos, mas diminuiu Duas vezes na Faixa etária de 30, mas Análise de Variância NÃO mostrou Diferença Estatística Entre a espessura endometrial e Idade NAS medições da cabine . (Valor de P = 0,54 e 0,06) (Tabela 5).

Diferenças ETS BasedOn Grupo Idade

5. Discussão

AGRADECIMENTOS

This article foi Extraído da tese de Residência Obstetrícia Ginecologia da Shahid Sadoughi Universidade de Ciências Médicas. Os Autores gostariam de Agradecer a Clínica Obstetrícia Ginecologia dos patients de Shahid Sadoughi Hospitalares ea Equipe parágrafo SUA Cooperação.

Notas de rodapé

Implicação Para uma Política de Saúde Prática de Pesquisa de Educação / / / médica:

Por favor, citar este papel Como:

Dr. Robab Davar e Dr. Razieh Dehghani Firouzabadi contribuiu em Estudo Concepção, Análise de Dados e Escrita papel. Dr. Kefayat Chamanara contribuiu em Estudo Concepção, Recolha de Dados, Análise de Dados e Escrita papel.

Sem Divulgação Financeira relatados.

Sem Apoio Financeiro relatado.

Referências

4. Rinaldi L, Lisi F, Floccari A, Lisi R, Pepe G, espessura Fishel S. endometrial Como hum preditor de Gravidez apos fertilização in-vitro, mas NÃO Apos um Injeção intracitoplasmática de espermatozóides. Hum Reprod. 1996; 11 (7): 1538-1541. [PubMed]

9. Dietterich C, Cheque JH, Choe JK, Nazari A, Lurie D. O aumento da espessura endometrial no dia da Injeção de gonadotrofina coriónica humana NÃO afeta negativamente a Gravidez OU Implantação taxas seguintes in vitro Transferência de fertilização-EMBRIAO. Fertil Steril. 2002; 77 (4): 781-6. [PubMed]

15. Noyes N, Liu HC, Sultan K, Schattman G, espessura Rosenwaks Z. Ser Parece endometrial hum Fator significativo na Implantação fazer EMBRIAO na fertilização in-vitro. Hum Reprod. 1995; 10 (4): 919-22. [PubMed]

20. De Geyter C, Schmitter M, De Geyter M, Nieschlag E, Holzgreve W, Schneider HP. Avaliação prospectiva da aparencia ultra-som do endométrio em Uma coorte de 1.186 Mulheres inférteis. Fertil Steril. 2000; 73 (1): 106-13. [PubMed]

23. Jarvela IY, Sladkevicius P, Kelly S, Ojha K, Campbell S, Nargund G. Avaliação da receptividade endometrial Durante vitro na fecundação usando tridimensional de ultra-som Doppler de potencia. Ultrasound Obstet Gynecol. 2005; 26 (7): 765-9. doi: 10.1002 / uog.2628. [PubMed] [Cruz Ref]

26. Puerto B, Creus M, Carmona F, Civico S, Vanrell JA, Balasch J. ultra-sonografia Como hum preditor de Implantação fazer EMBRIAO Apos uma fertilização in vitro: um Estudo Controlado. Fertil Steril. 2003; 79 (4): 1015-1022. [PubMed]

27. Rashidi BH, Sadeghi M, Jafarabadi M, Tehrani Nejad ES. Como Relações Entre como taxas de Gravidez Apos uma fertilização in vitro OU Injeção intracitoplasmática de espermatozóides e espessura endometrial e Padrão. Eur J Obstet Gynecol Reprod Biol. 2005; 120 (2): 179-84. doi: 10.1016 / j.ejogrb.2004.08.016. [PubMed] [Cruz Ref]

29. Reuter KL, Cohen S, Furey L, Baker S. ultrassonografia aparencia do endométrio e ovários Durante Ciclos estimulados com gonadotropina menopáusica humana. J Reprod Med. 1996; 41 (7): 509-14. [PubMed]

30. Bergh C, Hillensjo T, Avaliação Nilsson L. ecográfica do endométrio in vitro Ciclos de fertilização fertilização in vitro. Uma Maneira de Prever a Gravidez? Acta Obstet Gynecol Scand. 1992; 71 (8): 624-8. [PubMed]

31. Isaacs JD, Jr, Wells CS, Williams DB, Odem RR, Gast MJ, Strickler RC. espessura do endométrio e Um parametro de Monitorização valida em Ciclos de Indução da ovulação com menotropinas Sozinho. Fertil Steril. 1996; 65 (2): 262-6. [PubMed]

32. Oliveira JB, Baruffi RL, Mauri AL, Petersen CG, Borges MC, Franco JG, Jr. endométrio ultra-sonografia Como hum preditor de Gravidez em hum Programa de fertilização in vitro in-Apos um Estimulação ovariana e hormona libertadora das gonadotrofinas e gonadotrofinas. Hum Reprod. 1997; 12 (11): 2515-8. [PubMed]

33. P. Sundstrom Estabelecimento de Uma Gravidez com Sucesso Apos uma fertilização in vitro com Uma espessura endometrial de Nao Mais do Que 4 mm. Hum Reprod. 1998; 13 (6): 1550-2. [PubMed]

34. Quintero RB, Sharara FI, Milki AA. gravidezes sucedidas BEM sem Cenário da espessura endometrial exagerada. Fertil Steril. 2004; 82 (1): 215-7. doi: 10.1016 / j.fertnstert.2004.02.099. [PubMed] [Cruz Ref]

37. Mansur MM. o diagnóstico de ultra-som de aborto completo PODE Recolher necessidade de curetagem. Eur J Obstet Gynecol Reprod Biol. 1992; 44 (1): 65-9. [PubMed]

40. Bettocchi S, Ceci O, Vicino M, Marello F, Impedovo L, inadequação Selvaggi L. diagnóstico da dilatação e curetagem. Fertil Steril. 2001; 75 (4): 803-5. [PubMed]

41. Henshaw RC, Templeton AA. Métodos utilizados na Primeira aborto Trimestre. Obstetrícia e Ginecologia Atuais. 1993; 3: 11-6.

42. MacKenzie IZ. biópsia do endométrio. Obstetrícia e Ginecologia Atuais. 1992; 2: 162-7.

43. Polishuk W. endometrial Regeneração e Formação de aderências. Africano J Obst e Gyn. 1975; 49: 440-2. [PubMed]

44. Montgomery BE, Daum GS, Dunton CJ. hiperplasia do endométrio: Uma Revisão. Obstet Gynecol Surv. 2004; 59 (5): 368-78. [PubMed]

45. Deckardt R, Lueken RP, Gallinat A, Moller CP, Busche D, Nugent W, et al. Comparação da ultra-sonografia transvaginal, histeroscopia e dilatação e curetagem sem diagnóstico de sangramento vaginal anormal e patologia intra-uterino EM Mulheres na perimenopausa e pós-menopausa. J Am Assoc Laparosc Gynecol. 2002; 9 (3): 277-82. [PubMed]

47. Epstein E, Ramirez A, Skoog L, Valentin L. A dilatação e curetagem NÃO consegue detectar lesões Mais focais na cavidade uterina em Mulheres com sangramento pós-menopausa. Acta Obstet Gynecol Scand. 2001; 80 (12): 1131-6. [PubMed]

48. Yuval Y, Lipitz S, Dor J, Achiron R. Como Relações Entre a espessura endometrial e Fluxo de sangue e como taxas de Gravidez em fertilização in-vitro. Hum Reprod. 1999; 14 (4): 1067-1071. [PubMed]

Artigos de Iraniana Crescente Vermelho Medical Journal São fornecidas here cortesia de Kowsar Instituto Médico

mensagens Relacionados

  • A curetagem do endométrio – DC Meridia …

    Endometrial curetagem Significa Simplesmente Tomar Uma Amostra de Tecido da Camada de Revestimento interno (endométrio) do útero. (A Camada that when sai rápido Você tem hum Período.) As vezes, isso …

  • D – C, útero curetagem.

    Dilatação e curetagem – E Realizado com Uma Ferramenta raspagem de metais em circuito e geralmente E Feito com a histeroscopia (Olhar Para Dentro do útero) Para avaliar OU Gerencia sangramento anormal em um …

  • Efeito da Aplicação tópica de Esteroides (% Clobetasol …

    Finalidade Relatamos Nossa Experiência com o Uso de hum esteroide Tópico, 0,05% de propionato de clobetasol, par o Tratamento de fimose com Complicações Clínicas. Materiais e Métodos Resultados …

  • Efeito da ejaculação na PSA, PREPARACAO PARA O teste de sangue PSA.

    Estudo Mostra: a ejaculação Antes do teste PSA PODE dar falsa Leitura (Superior) o Em OUTRAS Palavras, Não Ter Relações Sexuais OU masturbar-se, cabelo Menos, Um Dia Antes de Seu PSA OU rápido Você vai ter Uma Leitura falsa. EFEITO DE …

  • DC (dilatação e curetagem) Procedimento …

    Dilatação e curetagem (D C) e Um Procedimento Cirúrgico breve em that o colo do útero ESTÁ dilatado e hum instrumento especial E USADA Para raspar o Revestimento do útero. Saber O Que Esperar Antes, Durante …

  • Curetagem – Definição de curetagem …

    Como REFERÊNCIAS não Arquivo de Revistas? Diferente de trauma grávido útero, OS Fatores etiológicos Que levam à síndrome de Asherman São malformação duto de Müller, um genital tuberculose, Inserção …