Colon Técnica de ressecção Approach …

Colon Técnica de ressecção Approach …

Colon Técnica de ressecção Approach ...

Colectomias PODE Ser realizada Quer POR via laparoscópica OU ATRAVES de Uma incisão Aberta abdominal.

Como Vantagens da Cirurgia laparoscópica São Como se segue:

Estadia há Curta hospitalar Mais (that NÃO Parece Estar Associada com hum Risco aumentado de readmissão [24])

Mais Rápido retorno Às Atividades da vida diaria

menor taxa de Complicações perioperatórias

A diminuição da Formação de aderências, e, Assim, reduzida Ocorrência de Obstrução intestinal

Em UMA Avaliação de coorte retrospectivo de 716 Pacientes consecutivos submetidos a ressecção intestinal na Cleveland Clinic, o Acesso laparoscópica reduziu significativamente a Incidência de Obstrução do intestino delgado, em Comparação com o Procedimento Aberto. [25]

Laparoscópica Esquerda e sigmóide colectomia, anterior baixa ressecção e Abdominoperineal ressecção

Apos o posicionamento do Paciente e Irrigação rectal, um cateter Foley E colocado com Técnica estéril. DEPOIS de preparar e drapeados, o abdômen E introduzido com Uma incisão umbilical de 12 mm; Uma vez Que o peritoneu E Aberto, como SUTURAS São colocados, e Uma porta de 12 mm E garantido. This E conhecida Como uma Técnica Hasson. DEPOIS de insuflação a 15 mm Hg com CO2. OS Autores Colocar hum quadrante de porta de 5 mm superior de Direito e quadrante inferior Direito da porta 12 mm.

O Paciente E colocado na posição de Trendelenburg e inclinado para á Direita. O intestino delgado E colocado no Quadrante Direito superior. Os Autores Usam Uma Abordagem medial-to-lateral. Os vasos mesentéricos Inferiores São identificados Ao Seu decolagem a Partir da aorta. O peritônio E incisada Neste plano EO ureter identificado. QUANDO ISSO para Concluído, Os vasos São Ligados. Considerando Que OS Autores normalmente Usam hum grampeador endoscópico, Outros Cirurgiões costumam USAR Dispositivos de Energia, Clipes e Endoloops. Uma vez Que OS Navios estao Ligados, o Avião soluçar o mesocólon E Desenvolvido lateralmente e superiormente. Com o pedículo vascular seccionado retraída, dissecção em SEGUIDA, procédé-se na pelve.

Pará como Operações de Câncer, OS Autores dissecam Pelo Menos 5 cm distais um hum Câncer. Se o tumor sem recto Muito distai, Uma Linha Média inferior OU Pfannestiel incisão E MUITAS vezes necessaria Para facilitar a Exposição e uma transecção do recto Ao Nível do anel ano-retal. Um total excisão fazer mesorreto (TME) E realizada Para Todos OS cancros rectais Baixos, e Preservação do esfíncter E Possível se Houver Uma Margem de mucosa de 2 centímetros Acima da Linha dentada.

Para Operações diverticular, Os Autores dissecam PARA O reto superior, Onde o coalesce taeniae coli. Uma vez that A Margem distal E identificado, o intestino E seccionado com hum grampeador endoscópico. Autores OS, em SEGUIDA, Dividir o mesocolo distal OU mesorreto com hum Dispositivo de Energia e Proceder-se do Lado Esquerdo do Paciente, Dividindo uma Linha branca de Toldt. Os Autores rotineiramente mobilizar a flexão do baço parágrafo Obter comprimento Adequado Para a Realização de Uma anastomose. MUITAS vezes, Uma porta Adicional DEVE Ser colocada no flanco Esquerdo do Paciente.

cancros Pará fazer cólon Esquerdo, OS Autores Dividir uma veia mesentérica inferior (VMI) Ao Nível da flexão do baço; Nestes Casos requerem Ampla Mobilização do cólon transverso e Seu mesentério. E imperativo parágrafo Dividir o mesocolo Tão PROXIMO A SUA Origem Possível, deixando extensa Suprimento de sangue colateral PARA O cólon proximal Que Será anastomose.

Uma vez Que o cólon E Completamente mobilizados, uma extraída Amostra E. Um transferidor de feridas, GelPort, Dextrus, or another Dispositivo, PODE Ser Utilizado Para facilitar a Extracção. Os Autores necessitam de 4 a 5 centímetros da incisão parágrafo Extracção. Pinças São colocados na extremidade distal do espécime. o CO2 E exsufflated atraves dos Portos, e uma incisão E Feita EO Protetor ferida colocado. A Extracção PODE Ser Feito no flanco Esquerdo UO área umbilical OU ATRAVES de Uma incisão Pfannestiel. Para Uma anastomose coloanal, OS Autores extrair transanal.

Apos a Extracção, o espécime E seccionado na extremidade proximal. Para OS Casos diverticular, OS Autores transecto, Onde o intestino Torna-se macia e suave. cancros NOS, Que corresponde uma área de mesocolo e o segmento do cólon de removido sor.

Rotineiramente, Os Autores realizam anastomoses colorretais usando hum grampeador circular de 29 mm. O espécime E acentuadamente seccionado, permitindo a visualização do Lúmen e sangramento Parede do cólon, confirmando hum Fornecimento de sangue Adequado. Um 2-0 polipropileno sutura em bolsa E ENTÃO colocado. A E bigorna colocado há Lúmen fazer cólon, e da bolsa-corda E ENTÃO Amarrado. This Área E inspeccionado parágrafo quaisquer imperfeições não UO fecho na extremidade distai da Parede do cólon.

O cólon E ENTÃO colocado de Volta para o abdómen, EO locais de Extracção ESTÁ Fechado. Subsequentemente, OS Autores reinsufflate e executar Uma anastomose agrafada, Tendo o cuidado de assegurar Que o cólon E rodado apropriadamente. Ar insuflação ATRAVES fazer recto, com Irrigação salina E realizada uma Olhar parágrafo Bolhas, indicando hum defeito na anastomose. OS rosquinhas grampeador also São examinados parágrafo assegurar Que tenha SIDO obtida de hum aro circular completo do Tecido.

Se como Bolhas emergem da anastomose, OS Autores POR laparoscopia coser um Ponto de luva uma anastomose e Realizar o teste de vazamento Novamente. Se há QUALQUÉR Preocupação com a anastomose, E realizada Desvio proximal com hum circuito de ileostomia.

Luvas, batas e Instrumentos de São Paulo, ENTÃO, Mudou. Um com Irrigação 3 L de Solução Salina E realizada. O intestino delgado E inspeccionada Para garantir Que Não Há hérnias Internas estao PRESENTES. O GAS E exsufflated atraves dos Portos, e como incisões São Fechadas.

colostomia Pará UMA (APR), Os Autores fazem o Caso Como Acima, com a seguintes excepções.

A flexão do baço NÃO E mobilizada, e dissecção E realizada distal um fáscia rectosacral circunferencial (Waldeyer fáscia). Uma vez Que uma dissecção ESTÁ completa, OS Autores transecto proximal não cólon sigmóide e CRIAR uma colostomia. Como incisões São ENTÃO fechada, uma colostomia E amadurecido, EO Paciente E virado Pará uma posição de canivete propenso.

Apos um PREPARACAO e drapeados, OS Autores Marcar Uma incisão de um centímetro a Partir do cóccix e tuberosidades isquiáticas e, em SEGUIDA, Fazer uma incisão e dissecar circunferencial AO Nível DOS levators. A Verdadeira pélvis E introduzido anterior Ao cóccix, de tal Maneira Como parágrafo “Ligar” com a anterior dissecção posterior. Uma vez Que este Plano e Aberto, como levators São puxados caudalmente com hum dedo e seccionado em circunferência. A PT Amostra, em SEGUIDA, exteriorizado com APENAS OS Anexos anterior AINDA nenhum lugar. Uma vez Feito ISSO, dissecção cuidadosa Neste Plano e realizada soluçar Visão Direta parágrafo Evitar prejuízo parágrafo a próstata OU vagina.

Se o tumor invadir estas Estruturas, UMA vaginectomia posterior PODE Ser executada, OU Uma Porcão da próstata PODE Ser dissecados com o espécime.

A Amostra E extraída atraves do períneo, e uma incisão de e fechada em Camadas multiplas.

Laparoscópica colectomia Direito

O abdômen E inserido Como Acima. Como Portas São colocados nsa Quadrantes Superior e Esquerdo inferior. O Paciente E colocado na posição de Trendelenburg e inclinado para á Esquerda.

O íleo terminal E identificado e mesocolo rastreado. Ao Aumentar o íleo terminal, o mesentério E envolto Sobre a Artéria ileocolic. A Descolagem da Artéria ileocólica E identificado Ao Nível da Margem inferior do duodeno. Os vasos São skeletonized e seccionado. O Avião soluçar o mesentério E Desenvolvido Até flexura hepática e distal do íleo terminal de. O ureter DEVE Ser visto no retroperitônio.

O mesocolo E ENTÃO Dividido medial Ao vaso ileocólica com Uma fonte de Energia. O íleo E seccionado cinco centímetros proximal Ao ceco com hum grampeador endoscópica. A Linha branca de Toldt ESTÁ mobilizada Até e incluíndo uma flexão hepática Até Que o Avião originais da dissecção na Margem inferior do duodeno E Encontrado. O ramo Direito da Artéria cólica meio E ENTÃO levado com Uma fonte de Energia. A pinça de e colocada Sobre o íleo e o Apêndice / cego. O GAS E exsufflated atraves das Portas, e hum locais de Extracção E Feita sem umbigo, Como descrito Acima.

Se Uma dissecção medial-a-lateral NÃO PODE Ser realizada, Uma Abordagem de lateral-medial para-substituído PODE. This Abordagem E frequentemente Utilizado Por Causa de Uma incapacidade de visualizar OS vasos devido a UO aderências do intestino redundante. Além Disso, se como Estruturas vitais São dificeis de identificar, um parágrafo Conversão abrir a ter lugar Cirurgia DEVE. Antes Disso, E aceitável a utilização de hum Dispositivo de mão-Ajudar.

Abrir Esquerdo e sigmóide colectomia, anterior baixa ressecção e Abdominoperineal ressecção

Ao Aproximar-se a Cirurgia Aberta, uma MESMA pré-operatório PREPARACAO e Paciente posicionamento E USADO, e Os Autores Seguir a Técnica similar. A incisão na Média Linha vertical, E USADO rotineiramente. Para Certas colectomias e transversais, o Dois terços da incisão DEVE Estar Acima do umbigo e hum terço da incisão Abaixo. O inverso E Verdadeiro PARA O Lado Esquerdo, sigmóide e Cirurgia rectal. Para a anastomose coloanal OU APR, uma incisão DEVE Ser realizada Até um sínfise púbica Para facilitar a Exposição pélvica.

Apos o posicionamento do Paciente e Irrigação rectal, um cateter Foley E colocado com Técnica estéril. O Paciente E Preparado e envolto, e uma incisão E Feita na Média Linha. Uma vez Que uma incisão E Aberta, Uma cobertura de ferida E colocado parágrafo Proteger a ferida. Os Autores preferem hum afastador de Balfour com Uma Lâmina de bexiga e Anexo C-Braço. O Baixo perfil permite hum alcance Mais profundo na pelve, sem a necessidade de Lutar com o afastador. Outros Usam o Buchwalter.

Uma esponja húmida colo E colocada Sobre o intestino delgado, o qua E ENTÃO colocado no Quadrante Direito superior, expondo um Descolagem da Artéria mesentérica inferior (IMA) na SUA Descolagem a Partir da aorta. Uma vez identificado, o IMA E dissecado Livre COM Longas garras em angulo reto e Apertado. Antes da Fixação e transecção, o ureter TEM de Ser identificado, APOS O Que um mesocolo E Dividido lateralmente e Para cima Para A Parede do cólon. A Parede do cólon E Dividido com hum grampeador. This divisão E A Margem proximal parágrafo sigmóide OU Cirurgia rectal.

O IMA E ENTÃO retraída Para cima, e o plano soluçar ELE E dissecada, comeu uma Faixa Entre o mesorreto e da fáscia pélvica E inserido.

Dissection continua caudalmente Até A Margem distal de ressecção E Encontrado. Transecção E realizada com hum agrafador na Margem parágrafo distal hum Câncer UO um coalescencia fazer taeniae parágrafo diverticulite. Para Uma colectomia Esquerda, uma inicial divisão do intestino E UMA transecção distal. A Linha branca E ENTÃO mobilizado proximal e uma flexão do baço Retirado, Quando Indicado, Como mencionado Acima. O cólon transverso distal E seccionado e mesorreto Restante Dividido. Omento E mobilizado fora do cólon transverso Para facilitar a Obtenção de comprimento Suficiente.

Ambos anastomose e abril São E realizada Exactamente Como descrito parágrafo a Técnica laparoscópica. Batas, Luvas e Instrumentos São ALTERADOS e da fáscia E fechada com FUNCIONAMENTO em loop de sutura. A Pele E fechada COM agrafos.

Abrir Direita colectomia

Executando colectomia Direita Aberta requer Uma incisão na Linha mídia, APOS O Que o intestino delgado E retraída PARA O Lado Esquerdo e Cobertas com Uma esponja Molhada. O Navio ileocolic E dissecada Livre na borda inferior do duodeno. A Linha branca de Toldt E mobilizado a Partir do íleo terminal de Até e incluíndo um hepática flexão. O ramo Direito da Artéria cólica meio E Dividido, EO íleo e cólon transverso São trazidos parágrafo fóruns da ferida. A anastomose E realizada Como descrito Acima.

Total / colectomia subtotal e total de proctocolectomia de

anastomose FIM-de-final, contra a anastomose Lado-a-ponta (Baker)

Embora OS Autores rotineiramente executar uma anastomose ponta a ponta, Uma anastomose Lado-a-ponta TAMBÉM PODE Ser realizada. QUANDO se utiliza hum grampeador, ELE DEVE Ser colocado atraves da extremidade distai e Trouxe 4 cm proximalmente na Fronteira antimesentérica. A extremidade distai E ENTÃO Fechado e grampeado oversewn. Baixas EM anastomosa pélvicos, PODE HAVER UM Benefício funcional Para a anastomose de Lado-a-extremidade. Além Disso, Uma bolsa colonica PODE Ser CRIADO Para permitir Uma Melhor Função de pós-operatório.

Criação de ostomia

Marcação pré-operatória de e fundamental. Um ATRAVES local de ostomia DEVE Ser colocado do músculo reto em vez dos Músculos oblíquo Externos. Além Disso, o Paciente DEVE Ser Marcada enquanto estava deitado plana e Ao Sentar-se Para permitir a identificação das dobras da Pele Que PODEM interferir com pouching ostomia. Evite beltlines Ao Colocar uma ostomia, e garantir Que hum Paciente Obeso PODE ver Onde a ostomia Sera.

Técnica dos Autores E parágrafo excisar hum disco de Pelé e Dividir OS Tecidos subcutâneos e bainha do músculo reto anterior verticalmente. O músculo E francamente dividida e uma bainha incisão posterior. OS Autores realizam ileostomias Brook Para facilitar pouching. Colostomia NÃO Precisa Ser Elevada Acima do Nível da Pele.

mensagens Relacionados

  • O Cancro do cólon, síntomas OS fazer Cancro Do cólon transverso.

    Introdução O Câncer colorretal E o Terceiro Câncer Mais Comum de Homens e Mulheres Nos Estados Unidos. A American Cancer Society estima that Approximatif 106.000 Novos Casos de cólon …

  • metástase de Câncer de cólon parágrafo mediastino …

    Autores: Mustapha M. El-Halabi Disse A. Chaaban Joseph Meouchy Seth page William J. Salyers Jr Filiações: Departamento de Medicina Interna da Universidade de Kansas School of Medicine, Wichita, KS …

  • síntomas OS não Cancro do cólon, Tratamento de … 14

    O Que testículos OS PODEM Ser Feitos Para detectar o Cancro do cólon? QUANDO o Cancro do cólon E Suspeita, em alternativa Uma série GI inferior (enema de Bario de Raios-X) OU colonoscopia E realizada parágrafo Confirmar o diagnóstico e localizar o …

  • Colon Cancer Metástase Causas …

    RESPOSTA: Existem varias Variáveis ​​parágrafo um SUA pergunta, Como ELES PODEM TRATAR uma metástase com Gleevec OU E UM tipo diferente de Câncer. TAMBÉM DEPENDE DOS * Tamanho fígados, mas …

  • Cólon Cirurgia Retal em Portland …

    Colon e Cirurgia Retal E uma divisão da medicina preocupada com a Cirurgia realizada no trato intestinal, Parede pélvica, sacro, recto, ânus e perianal. O Cólon e Retal …

  • Colon Hidroterapia – Vivo Wellness …

    Colon Hidroterapia O Que É hidroterapia fazer Colon? Colon hidroterapia e Um Método suave de Limpeza e Exercício do cólon com Água purificada, com temperatura Controlada EO toque de cura de …