Abordagem Diagnóstica fazer bócio …

Abordagem Diagnóstica fazer bócio …

Abordagem Diagnóstica fazer bócio ...

Abstrato

A Doença da tireóide E UMA Doença Pediátrica Comum that afeta comeu 3,7% das Crianças EM Idade escolar, e geralmente se apresenta com hum bócio. De longe, a causa Mais Frequente de bócio E Uma Doença autoimune da tiróide, embora hum bócio coloide benigna E TAMBÉM Uma causa Comum. Um Presente Revisão centra-se na Abordagem de diagnóstico Para Uma Criança com hum bócio hipotireoidismo, hipertireoidismo OU eutireóideo.

Palavras-chave: Bócio, hipertireoidismo, hipotireoidismo, nódulo de tireóide

Currículo

La thyrodienne maladie est un problema pdiatrique courant qui touche jusqu 3,7% des enfants dge scolaire, et elle saccompagne gnralement dun bócio. La causa la plus frquente de bócio est, de loin, une thyrodienne maladie auto-imune, bien quun bócio collode bnin constitue galement une causa courante. Le prsent examen porte sur la méthode diagnostique enfrentar un enfant prsentant un bócio hypothyrodien, hyperthyrodien OU euthyrodien.

diagnóstico diferencial de tireomegalia

Algoritmo Pará como Causas Mais Comuns de hum bócio. ve negativo; + Ve positiva; Anticorpos TAB tireóide; TSH Hormônio estimulante da tireóide

Bócio e hipotireoidismo

Tireoidite de Hashimoto E Incomum em Crianças Menores de Quatro ano de Idade. O pico de Idade de inicio NAS Duas Primeiras Décadas de vida ESTÁ em Cedo parágrafo midpuberty. Embora uma proporção E de 2: 1 a favor das Fêmeas em Comparação machos com OS (4), ESTA Relação E Menos inclinada fazer that na Idade adulta, Quando 90% dos Casos ocorrem em Mulheres (5). Embora Não Há hum Padrão Definido de Herança, Uma História familiarizado E relatado em 30% das Crianças afectadas (2). ESTA Bem estabelecido Que o Risco de CLT e Mais Elevada em individuos com Anomalias cromossómicas Tais Como síndrome de Turner, síndrome de Klinefelter e síndrome de Down. Há TAMBÉM UM aumento de da Associação COM Outras Doenças auto-imunes. Por Exemplo, um Prevalência da Presença de Anticorpos em Crianças e adolescentes com diabetes do tipo 1 TEM SIDO relatada Como Sendo Tão Elevada Como 20% ao 40% (7, 8), enquanto a Função anormal da tiróide E relatado em Approximatif 7% Desses patients (7, 9).

Doença autoimune da tiróide PODE Estar Associada a hum estado de eutiroidismo, hipotireoidismo OU hipertireoidismo. Nas Fases Iniciais, uma glândula Será, suave e Macia, progredindo Pará Uma textura Seixos OU granular, e, em Seguida, se tornar firme e irregular. A maioria das Crianças São eutireóideo não momento do diagnóstico. O hipotiroidismo eStara Presente em 3% a 13% DOS PACIENTES, e Que Ira Mostrar síntomas Típicos (Tabela 2) e TEM Uma carta de Crescimento, Como mostrado na Figura 2. Um Adicional de 3% a 35% dos patients TEM Elevados concentrações de TSH e T4 Normais níveis (3), um estado denominado subclínico OU hipotireoidismo compensado. Raramente, as Crianças Vao se apresentar com tireotoxicose Transitoria com suprimido TSH, e Elevado fazer Hormônio T3 e T4, Uma Condição conhecida Como tireoidite tóxica OU Hashitoxicosis.

Carta de Crescimento de Crianças com hipotireoidismo. Digno de nota E o ao declínio na Velocidade de Crescimento com Preservação de peso

Os síntomas e Sinais de hipotireoidismo

A decisão de TRATAR com L-tiroxina E claro parágrafo hipotiroidismo (com níveis de T4 diminuída), mas controversa parágrafo hum bócio eutireoidiano OU hipotireoidismo compensado. Qual a percentagem de individuos com essas condições Ira desenvolver hipotireoidismo? Um subconjunto da coorte do Estudo Norte Americano Prevalência Acima mencionado (4) examinada foi 1965-1968 e Novamente 20 anos Mais tarde (1). Dos 61 patients com tireoidite chronic nenhuma inicial Exame, 27% Teve Uma Avaliação tireoidiana, 33% mantiveram-se inalteradas e 33% hipotireoidismo normais ERAM. Outro Longo Prazo, Estudo prospectivo Realizado na Inglaterra (10) mostrou Uma taxa semelhante de Conversão parágrafo hipotireoidismo em Uma coorte de Adultos, Que foi seguido POR 20 anos. Investigadores OS encontraram um hipotireoidismo Para Ser de 2,1% parágrafo 2,6% Ao ano taxa de em individuos com QUALQUÉR níveis Elevados de TSH OU Anticorpos de tireóide Positivos e 4,3% POR ANO EM PESSOAS COM OS Ambos criterios. Se o TSH foi superiores a 20 mIU / L OU SE OS Anticorpos da tiróide were Altamente positiva em Mais de 1: 100.000, em SEGUIDA, uma taxa de Desenvolvimento de hipotiroidismo foi de 25% ano POR. Os Dois Estudos enfatizam o Ponto that parágrafo TRATAR de Todos os individuos com Evidência de tireoidite chronic resultaria no Tratamento de MUITOS patients desnecessariamente.

A Prática Autores NÃO E TRATAR parágrafo bócios eutireoidianos um Menos Que Sejam cosmeticamente significativo. MESMO ASSIM, O Uso de tiroxina E controversa.

UMA bócio endémico E a causa Mais Comum de hipotiroidismo em Todo o Mundo (11), ê ê uma causa Mais Comum de evitável atraso mental (12). No entanto, Por Causa da adição de Rotina de iodo Ao sal sem Ocidental Mundo, that NÃO E visto na área. Exposição goitrogen DEVE Ser Considerada em patients com hum bócio e Anticorpos da tiróide negativos, e geralmente Será, evidenciados a Partir da História do Paciente. Além de Medicamentos prescritos, E Importante perguntar Sobre o Uso de over-the-counter preparações, Tais Como expectorantes contendo iodeto e Remédios Naturais. disormonogênese ocorre em 1: 30.000 recém-Nascidos, e geralmente se apresenta Como hipotireoidismo congênito. No entanto, Formas Mais leves PODEM apresentar Mais tarde, Como hipotireoidismo adquirido com hum bócio e Anticorpos de tireóide negativos. Uma História familiarizado DEVE Ser Procurado Porque ESTA E UMA Condição autossômica recessiva. Enquanto hipotiroidismo PODE TAMBÉM ocorrer se hum Paciente TEM hipotalâmica e lesões pituitárias (Por Exemplo, o hipotiroidismo terciária e Secundária, respectively), um bócio NÃO E UMA Característica clínica destes Casos.

Bócio e hipertireoidismo

Doença de Graves

A Doença de Graves E, sem Dúvida, uma causa Mais Comum de hipertireoidismo em criancas e adolescentes. Otras Causas São Raros e DEVE Ser Suspeita APENAS QUANDO Existe Uma Apresentação Atípica (13). Tal Como Acontece com tireoidite de Hashimoto, como Fêmeas São predominantemente afetados, ea proporção de Mulheres afetadas em relação Homens e Menos pronunciada fazer that na adulta Idade. A História familiares de Doença autoimune da tiróide E Comum.

Apresentando síntomas e Sinais da Doença de Graves São apresentados na Tabela 3. O ao declínio Desempenho escolar e Manifestações comportamentais, MUITAS vezes predominam. Tireomegalia E Quase sempre Presente e uma tireóide TEM textura Uma suave, elástico. Embora retração tampa e lag tampa São ACHADOS Comuns nenhum momento do diagnóstico, exopthalmos ocorre em APENAS UM Terço das Crianças, ê ê geralmente leve (14).

OS síntomas e Sinais de da Doença de Graves adolescentes EM

adenomas hiperfuncionante Autonomamente tendem a T3 segregar e causar hipertiroidismo ligeiro (15). A tireóide vai Ser de * Tamanho Pequeno UO normal, com hum nódulo palpável. Os síntomas de hipertiroidismo ocorrem, geralmente, Uma Vez Que o nódulo E Maior fazer that 2,5 cm de Diâmetro. Os nódulos raramente São malignos (16), ea Cirurgia E curativa. tiroxina exógena Ira causar hipertireoidismo em patients Que estao overtreated PARA O hipotireoidismo UO Que tomam tiroxina sub-repticiamente, Mais comumente parágrafo Controle de peso.

Causas Dependentes de TSH

Causas Dependentes de TSH, Como hum adenoma hipofisário that segregam TSH, São Muito Raros. Este è fácilmente distinguível da Doença de Graves em that o TSH E Elevado em enfrentar de hum T4 Elevada. Outra causa potencial de hum Quadro Tão bioquímica E UMA síndrome de resistência Ao Hormônio da tireóide, that, Novamente, E MUITO raro.

bocio eutireoidianos

NODULAR Bócio

Investigação de hum nódulo solitário DEVE Começar com testículos de Função da tireóide e Anticorpos de tireóide. Estes São geralmente Ambos negativos e Estudos de Imagem da tiróide São, ENTÃO, indicou. O Câncer de tireóide E POUCO provável na Presença de hipotireoidismo, hipertireoidismo OU tiroidite auto-imune (17). Uma Abordagem Para avaliar nódulos da tireóide e Um tanto controverso. O teste Menos invasiva e Um ultra-som da tiróide. ELE vai identificar OUTRAS massas cervicais that PODEM Ser confundidas com hum nódulo de tireóide, Como hum cisto tireoglosso Poeira, e determinar se o nódulo E cística, Sólida OU mista. Se hum nódulo de tireóide Puramente cística E identificada, há Novos Estudos São Necessários EO Paciente PODE Ser seguido de forma Conservadora. Se, no entanto, uma lesão E Sólido Ou de Densidade misturados, em SEGUIDA, cintilografia (99m Tc-pertecnetato, 123 I UO 131 I) E Indicado para diferenciar hum hiperfuncionamento (Quente) A Partir de hum hipofuncionamento nódulo (frio). Um nódulo hiperfuncionante E, Muito provavelmente, um adenoma hiperfuncionante benigna. Um nódulo frio num Paciente pediátrico TEM Uma Maior Probabilidade de malignidade fazer that em Adultos. Dez POR cento de para 24% DOS nódulos Solitários EM Crianças e adolescentes São malignos. Geral Em, hipofuncionante, solidas, nódulos Solitários Passam POR excisão Cirúrgica um Menos Que ELES TEM demonstrado uma citologia benigna em aspirativa POR agulha fina. A Precisão global de Aspiração com agulha fina E de 70% a 97%, e ISSO Depende da Experiência fazer e citopatologista Operador (17).

CONCLUSÃO

Distúrbios da tireóide, Em particular, CLT e bócios coloides simples, Comuns São em criancas e adolescentes. A maioria dos patients com CLT chronic São eutireóideo e Presente com hum bócio assintomático. Como UNICAS Investigações Necessárias Para estabelecer o diagnóstico na maioria dos individuos com bócio ESTÁ medindo OS níveis de TSH e Anticorpos de tireóide. hormona da tiróide (T4) DEVE Ser medido se o nivel de TSH E anormal. Estudos Adicionais, Imagens Como tais, Não São Necessárias um Menos Que Haja Uma Preocupação Específica, Como hum Único nódulo palpável.

REFERÊNCIAS

1. Rallison ML, Dobyns BM, Meikle AW, Bishop M, Lyon JL, Stevens W. História Natural das Anomalias da tiróide: Prevalência, Incidência e Regressão das Doenças tireoidianas em adolescentes e Adultos Jovens. Am J Med. 1991; 91: 363-70. [PubMed]

2. Lafranchi S. Tireoidite adquirido e hipotireoidismo. Pediatr Ann. 1992; 21: 29-39. [PubMed]

3. Bachrach LK, Foley TP. Tireoidite em Crianças. Pediatr Rev. 1989; 11: 184-91. [PubMed]

4. Rallsion M, Dobyns BM, Keating FR, et al. Ocorrência e História Natural da tireoidite linfocítica chronic na infância. J Pediatr. 1975; 86: 675-82. [PubMed]

5. Weetman AP. tiroidite auto-imune: predisposição e patogênese. Clin Endocrinol. 1992; 36: 307-23. [PubMed]

6. Beever K, Bradbury J, Phillips D, et al. Altamente Ensaios sensíveis de auto-Anticorpos contra Tireoglobulina e peroxidase da tiroide. Clin Chem. 1989; De 35: 1949-1954. [PubMed]

7. McKenna MJ, Herskowitz R, Wolfsdorf JI. Rastreio da Doença de tiróide em Crianças com IDDM. Diabetes Care. 1990; 13: 801-3. [PubMed]

8. Neufeld H, Maclaren NK, WJ Riley, et ai. de Células da Ilhota e Outros Anticorpos Específicos de Órgãos em caucasianos e negros norte-Americanos diabetes mellitus insulino-com Dependente. Diabetes. 1980; 29: 589-92. [PubMed]

9. Riley WJ, Maclaren NK, DC Lezotte, Spillar RP, Rosenbloom AL. Thyroid diabetes mellitus insulino autoimunidade UMA-Dependente: O Caso de Exames de Rotina. J Pediatr. 1981; 99: 350-4. [PubMed]

10. Vanderpump MP, Tunbridge WM, Francês JM, et al. A Incidência de Distúrbios da tireóide na Comunidade: Um seguimento 20 anos não Estudo Whickham. Clin Endocrinol. 1995; 43: 55-68. [PubMed]

11. Boyages SC. Distúrbios POR Deficiência de iodo. J Clin Endocrinol Metab. 1993; 77: 587-91. [PubMed]

12. Cao XY, Jiang XM, Dou ZH, et ai. Momento da vulnerabilidade do Cérebro um Deficiência de iodo na cretinismo endémico. N Engl J Med. 1994; 331: 1739-1744. [PubMed]

13. Foley TP. infância Jr Tireotoxicose na. Pediatr Ann. 1992; 21: 43-6. [PubMed]

14. Dallas JS, Foley TP. Jr. hipertireoidismo. In: Lifshitz F, editor. Endocrinologia Pediátrica: Um Guia Clínica. 3ª ed. New York: Marcel Dekker; 1995. pp. 401-14.

15. Namba H, Ross JL, Goodman D, Fagin JA. Solitary policlonal nódulo de tireóide Autônoma: Uma causa rara de hipertireoidismo infância. J Clin Endocrinol Metab. 1991; 72: 1108-1112. [PubMed]

16. Sussman L, Labrik L, Clayton GW. Hipertiroidismo atribuível a hum carcinoma da tiróide hiperfuncionante. J Pediatr. 1968; 72: 208-13. [PubMed]

17. Distúrbios da tireóide Lafranchi S. Adolescente. Adolesc Med. 1994; 5: 65-86. [PubMed]

18. Foley TP. Distúrbios da tireóide em Crianças. In: Sperling MA, editor. Endocrinologia Pediátrica. 1ª ed. Philadelphia: WB Saunders Company; 1996. pp. 171-94.

Artigos de Pediatria Child Health São fornecidas here cortesia de Grupo Pulsus

mensagens Relacionados

  • Abordagem e Gestão de diagnóstico …

    1 Division of Pediatric Gastroenterology and Hepatology, o Dr. von Haunersches Kinderspital, Ludwig-Maximilians-University, Munique, Alemanha. sibylle.koletzko@med.uni-muenchen.de Citation Abstract …

  • Imagens bocio

    Tireóide Problemas Visão Geral do Paciente Comentários Leia 29 Comentários Partilhe A SUA História A glândula tireóide ESTÁ localizada na parte frontal do Pescoço, Abaixo da cartilagem tireóide (pomo de Adão). A glândula …

  • Diagnóstico por Imagem do solitário …

    A metastática Doença, Múltiplo mieloma, Tumores e linfoproliferativas da Coluna vertebral geralmente causam lesões multiplas, that, EM Associação Dados com OS Clínicos, geralmente permitem that o diagnóstico SEJA fácilmente …

  • Abordagem Atual Para o diagnóstico …

    Um arterial Doença Periférica Abstract (PAD) Uma E Manifestação Comum da aterosclerose Que afeta 5 Milhões de Adultos Nos Estados Unidos, com Uma Prevalência Ajustada POR Idade de 4% a 15% e …

  • Tratamento de bócio

    Existem Dois Tipos de multinodular bócio. Há hum bócio tóxico multinodular, that ENVOLVE UM Excesso de Produção do Hormônio da tireóide. Há TAMBÉM UM bócio multinodulares Não-tóxico, que …

  • CDC – Self-Study Sífilis Diagnóstico …

    Métodos de diagnóstico (Continuação) O diagnóstico da Sífilis latente Como discutido anteriormente, E, POR vezes, Difícil de determinar a Duração da Infecção num Paciente com sífilis latente. Pacientes …